Autor: Lênio Reis

Ler mais

Sobrevivência Urbana – Defesa Pessoal: Sprays, aparelhos de choque e lâminas

As autoridades e “entendidos” do assunto sempre pregam que não devemos reagir a assaltos e eventos correlatos. Mas algumas vezes dependendo da situação a reação pode ser válida, e, para isso, é bom contar com elementos que nos dêem alguma vantagem diante do agressor.

Vou focar apenas nos três elementos do título e sobre o meu ponto de vista vou eleger o que eu acho mais interessante para defesa pessoal, pensando principalmente em pessoas com a constituição física mais frágil, mulheres e adolescentes que são geralmente as principais escolhas dos assaltantes.

Pesquisa – Pilhas alcalinas ou recarregáveis?

Por Eremita Urbano

As pilhas são itens muito importantes para os preparadores, são as fontes de energia para lanternas, rádios e muitos outros equipamentos. Há algum tempo eu estava curioso para saber qual a pilha mais interessante para se ter em casa e estocar. Essa curiosidade gerou uma pesquisa que pra mim foi muito interessante pois esclareceu e ensinou alguns pontos que eu não conhecia.

A importância do apito em situações de emergência

Por Eremita Urbano

Acme 636 Tornado Slim
Acme 636 Tornado Slim

Além do uso conhecido pela maioria da população – que é o uso em eventos esportivos e pelos guardas de trânsito – os apitos também são usados em navios, ferrovias e em ambientes industriais ruidosos como forma de sinalização a longa distância.  Nas situações de emergência ele pode ser usado para chamar a atenção da equipe de resgate ou do seu grupo em alguma excursão pela mata, caso você se perca.

Acidentes radioativos – No Brasil não acontece! Será mesmo?

Por Eremita Urbano

D800D

Ouço muito a frase: “Ah, X coisa não acontece no Brasil, não precisamos nos preocupar.”

Eu digo que qualquer coisa pode acontecer e justamente foi essa a motivação para tecer algumas linhas sobre um problema grave acontecido aqui, mas ainda assim esquecido por muitos. Eu tinha 13 anos quando ocorreu essa crise e quase três décadas depois ainda me lembro do despreparo das autoridades e do caos gerado.

Fuga para o mato: Uma outra visão

Por Eremita Urbano

Hoje vou falar um pouco da minha percepção de fuga para o mato. É um assunto onde existe muita divergência de opiniões então vou deixar a minha para servir de reflexão, mas que fique claro que a sua escolha deve ser sempre pessoal e pautada na sua experiência pessoal e no seu planejamento individual. Não existe “resposta padrão certa”, seja qual for a sua escolha, ela vai ser certa apenas para você. Lembrem-se, cada caso é um caso. Não tente impor a sua resposta – mais uma vez eu friso –  ela só é certa pra você!

Minha familia não gosta e acha estranho, como fazê-los aceitar a preparação e o sobrevivencialismo?

Por Eremita Urbano

Diversas são as vezes que vejo perguntas similares, e sinceramente tentar fazê-los aceitar é uma grande perda de tempo. A maioria das pessoas não tem a capacidade de abstrair o assunto, elas acreditam fortemente que o governo sempre vai cuidar delas e muitos não aceitam que algo ruim possa acontecer, acreditam realmente que são imunes a crises. Sendo assim acham uma grande perda de tempo e dinheiro se preparar.

Então, Eremita… Tenho que deixar tudo pra lá então? Bom amigo leitor, se não dá para você convencer o outro, use a sutileza.

Porque se preparar e como iniciar sua preparação

Por Eremita Urbano.

Quanto se fala em preparação, devemos inicialmente responder a pergunta – Porque se preparar? As respostas podem ultrapassar a casas das dezenas. Eu vou deixar aqui a minha resposta simples. Devemos nos preparar para ficar mais confortáveis diante de uma crise qualquer.

Simples assim! Mas, nós humanos tendemos a buscar respostas rebuscadas e muitos tem dificuldade para assimilar a simplicidade. Por isso, vou elaborar um pouco mais.