Sobrevivência Urbana – Defesa Pessoal: Sprays, aparelhos de choque e lâminas

As autoridades e “entendidos” do assunto sempre pregam que não devemos reagir a assaltos e eventos correlatos. Mas algumas vezes dependendo da situação a reação pode ser válida, e, para isso, é bom contar com elementos que nos dêem alguma vantagem diante do agressor.

Vou focar apenas nos três elementos do título e sobre o meu ponto de vista vou eleger o que eu acho mais interessante para defesa pessoal, pensando principalmente em pessoas com a constituição física mais frágil, mulheres e adolescentes que são geralmente as principais escolhas dos assaltantes.

Eu sempre digo que o melhor modo de se defender é não ser pego. Para isso é interessante evitar andar sozinho, não passar por lugares escuros ou sem movimentação e estar sempre atento ao seu redor. A prevenção é sempre mais interessante que a reação. A minha principal premissa é: Procure ficar longe de perigos ou sempre se afaste de locais ou eventos potencialmente perigosos.

Antes de entrar no assunto é interessante que saibam que: a Constituição Federal, fonte de todos direitos no país, no seu artigo 5º inciso II diz: “ninguém será obrigado a fazer ou deixar de fazer alguma coisa senão em virtude de lei”. É o chamado princípio da legalidade, e significa que, para o cidadão, tudo que não for proibido é automaticamente permitido.

Então temos a pergunta: Existem leis tratando de lâminas,  spray de pimenta ou aparelhos de choque?

Sim, existem. o Decreto-lei no 24.602/34, regulado pelo Decreto 3.665/00, falam sobre itens controlados pelo Exército, que pelo seu poder de destruição ou outra propriedade, deve ter seu uso restrito para garantir a segurança social e militar. Os produtos controlados estão no R-105, um regulamento que o decreto acima nos traz. Então agora ficou fácil de entender: Está na lista? Então não se pode comprar, vender, portar…. Não consta na lista? A fabricação, comercialização e uso é livre.

Com essa informação para nos respaldar, sigamos em frente agora tentando eleger o item mais interessante para a defesa pessoal. Se não for possível evitar um confronto com um agressor, qual a melhor opção?

Aparelhos de choque

O taser é aquela arma de choque que dispara os eletrodos à distância. Essa você não pode ter, são restritas. Entretanto as de choque manual, as quais temos que encostar no agressor não são previstas na portaria, assim seu porte e posse é livre, independentemente da voltagem ou amperagem.

E é uma boa para defesa pessoal? Eu diria que é interessante, mas existem alguns detalhes que não gosto nelas, e por isso não considero uma boa para a categoria de pessoas definidas no primeiro parágrafo.

O fato de ter que estar muito próximo ao agressor e mesmo que você dê um choque bem dado no meliante em poucos segundos ele vai estar muito nervoso e totalmente capaz de lhe perseguir são os pontos negativos principais.

Lâminas

Você só não pode portar espadas e espadins, daquelas que são usadas pelos oficiais. Quanto as outras, desde que não fique ostentando, não existe problema nenhum em portar lâminas, seja faca ou canivete.

Mas é uma boa na defesa pessoal? Eu penso que no caso do grupo de pessoas do foco desse post, penso que para defesa não!

Os motivos são parecidos com os aparelhos de choque. A proximidade exigida para o uso não é interessante e muitas vezes você pode acertar o agressor, mas simplesmente ele vai continuar vindo pra cima de você a não ser que você dê um golpe certeiro e acredite… Isso não é fácil. Além disso é grande o risco do agressor tomar de você a lâmina e virar o jogo.

Tenha em mente que a vida real não é um filme. Brigar com o agressor – seja da forma que for – não é uma boa idéia, se puder evitar qualquer contato, evite.

Se estiver procurando boas lâminas para comprar, conheça a nossa sessão de Cutelaria da Via de Fuga clicando aqui.

Spray de pimenta

O spray de pimenta é previsto na lista comentada acima, então você não pode portar, mas existe um detalhe: A lista fala particularmente do spray de pimenta que é baseado em capsaicina, substância encontrada na semente da pimenta, mas… Há hoje no mercado os “Jatos de Fluído Imobilizante” ou “Sprays de Gengibre”, que são novos, têm o mesmo efeito do spray de pimenta e dependendo do ponto de vista são até melhores. Como ainda não são previstos pelo decreto já que não têm capsaicina em sua composição, sua compra e uso é livre.

Agora sim! Esse aqui eu acho interessante. O spray de gengibre pode ser usado a distância e vai impedir o agressor de abrir os olhos por longos minutos, dando tempo suficiente para você se deslocar a um local seguro. Olhando pelo lado do uso a distancia e do bom tempo que o agressor ficará incapacitado, penso que é a melhor opção de defesa pessoal.

Além de se defender contra bandidos, o spray por ser não letal também é interessante para o uso em outras situações de risco a sua integridade física por exemplo: A alguns meses na minha cidade um senhor idoso freou bruscamente o seu carro para não atropelar uma criança e um outro condutor que vinha muito próximo e bateu na sua traseira, sem nem sequer conversar, pegou um facão que estava em seu veículo e partiu para a agressão ao senhor do carro da frente, que ficou com cortes profundos e perdeu 2 dedos. A situação só não foi pior porque algumas pessoas vendo a cena conseguiram conter o agressor.

Nesse caso se o senhor que foi agredido tivesse consigo um spray ele poderia usar e evitar essa agressão.  O gengibre, ao entrar em contato com as mucosas faciais tem uma capacidade altamente irritante, o que pode levar a pessoa atingida a perder o senso de direção e não conseguir se mover tão facilmente devido à sensação de ardor, ele atua forçando o fechamento involuntário dos olhos pelo grande desconforto causado. Com isso, uma eventual vítima de ataque poderá fugir ou buscar alguma espécie de ajuda. Para quem anda muito a pé ele também pode ser eficiente contra cães.

Resumindo, lembrem-se sempre que reagir só em último caso e com muita sabedoria. O melhor mesmo é tentar se prevenir, evitando os riscos. Mas se fosse para escolher um método de defesa eu escolheria o spray de gengibre, já que seu uso pode ser feito a distância e é eficiente ao incapacitar o agressor por tempo suficiente para procurar segurança.

ATUALIZAÇÃO IMPORTANTE(12/12/15)

Fizemos dois testes práticos com o Spray de Gengibre da marca ANL, que é permitida para porte civil. Veja os dois testes e tire suas conclusões: