Arquivos da Categoria: Post do leitor

DIA DE CAÇA – Um conto sobrevivencialista

Vespas são insetos curiosos. Não por só as fêmeas terem ferrão, ou por serem predadoras e parasitas ao mesmo tempo. Vespas fazem escolhas. As vespas podem ser divididas entre sociais e solitárias. As solitárias constroem seus ninhos com lama, geralmente em lugares protegidos e escondidos. Se um dia você observar aqueles canudinhos feitos com lama na sua parede, ou no

Ler mais

Uma quase situação de sobrevivência

Durante 11 anos eu vivi no México, mais especificamente na Cidade do México, onde nasceram minhas duas filhas. Eu sempre curti natureza, caminhadas e quando dava praticava uma ou outra técnica de sobrevivência, como fazer fogo ou construir algum abrigo improvisado, nada muito complicado até porque esse tema sempre foi mais um hobby que qualquer outra coisa. 

Ler mais

Defesa Pessoal e seus conceitos básicos

Quando abordamos o tema “defesa pessoal”, geralmente, a visão romantizada da maioria das pessoas direciona o foco de toda a situação apenas para o combate. Mas nem de longe o combate é o tópico de mais importância na defesa pessoal, pelo contrário, o combate é o ultimo recurso caso todas suas estratégias falhem e você não tenha mais escolha, é algo extremamente

Ler mais

Um susto em Cuba: Como virei Sobrevivencialista

Até o ano de 2001 eu não poderia me classificar como um sobrevivencialista nato, sequer era curioso sobre a matéria. Apenas tinha respostas rápidas para emergências, o que fez com que me distinguisse no serviço militar, ao salvar um civil após grave acidente automobilístico ocorrido nos muros do quartel onde eu servia, isso no longínquo ano de 1973.

Ler mais

Um relato de quem nasceu Sobrevivencialista

Achei por bem relatar a historia incrível de uma menina que, nunca lhe passou pela cabeça ser sobrevivencialista desde que nasceu. Nascida em Portugal, oriunda de uma família judaica pobre, vivia num morro muito idêntico a uma favela. As condições eram deploráveis como devem imaginar. Faltava água da companhia, roubava eletricidade dos postes, partilhava seu barraco com baratas, aranhas, ratos, todo

Ler mais
« Entradas mais Antigas