COMO USAR SEU CELULAR PARA SOBREVIVER

Você provavelmente acha que seu celular não servirá de nada durante uma situação de crise não é mesmo? Pois então, estamos aqui para mostrar o contra ponto desse argumento e ver que as coisas podem não ser bem assim.

A maioria das pessoas considera seu celular uma parte inseparável de sua identidade atualmente. Entre gerenciar nossas contas em redes sociais, lidar com chamadas e mensagens de texto, melhorar nossa eficiência e aumentar nosso entretenimento com inúmeros aplicativos, esses aparelhos são certamente uma marca registrada de nossa era.

Mas, apesar de toda a sua utilidade, parece que a maioria dos preparadores não se planeja contando com eles em um contexto de sobrevivência, exceto talvez com o fato de que eles invariavelmente falharão quando as coisas se agravarem.

A noção de que algo tão complexo que é tão dependente de uma rede igualmente complexa de servidores, redes e truques tecnológicos é funcionalmente frágil faz todo sentido. Mas isso é verdade? Eu diria que não, e há muito mais a ganhar com seu celular em um contexto de sobrevivência do que contar desde o início que estará sem ele. Os recursos que seu dispositivo oferece (principalmente se você tiver um aparelho robusto) são vantagens que você definitivamente deseja ter ao seu lado.

Você não precisa negar a tecnologia

Eu sempre dou risada quando vejo esse assunto em alguns meios. Invariavelmente, há pelo menos um ou dois preparadores que parecem planejar abandonar o telefone ao primeiro sinal de problema porque acreditam que é totalmente certo que a coisa vai acabar os decepcionando. E como poderia ser diferente?

Ventos irão derrubar torres, quedas de energia irão desligar servidores e ainda por cima, o próprio telefone depende de uma bateria para funcionar, e quando a energia acaba, a coisa é inútil. Não há como negar.

Concordo que é bom ter planos de backup e que ninguém deve depender demais de qualquer ferramenta para fazer o trabalho, especialmente uma tão complexa como um celular, mas isso não significa que você tenha que jogar fora o aparelho. Invariavelmente, os sentimentos da maioria das pessoas sobre o assunto não se estendem a outras áreas de seu plano de sobrevivência.

Diga-me, aquela lanterna que você comprou, usa bateria? Que tal se lembrar da bateria do carro? Se é bom para um, por que não para o outro?Você também pode estender esse sentimento a outras coisas. Por que confiar em um machado de metal que pode enferrujar até virar nada? Você deve ficar com uma machadinha de pedra, à moda antiga, que você mesmo fez para a ocasião e que não irá decepcioná-lo!

Reconheço que estou apenas cutucando a ferida aqui, mas o ponto muito sincero que quero fazer você pensar é que você não deve ser um sobrevivencialista que evita a tecnologia apenas porque ela é a tecnologia da era atual. Tudo o que você fará é negar a si mesmo vantagens importantes.

É bom estar pronto para a perda de capacidade que pode acompanhar qualquer tipo de cenário de emergência ou desastre, mas isso não significa que você deve renunciar nada que possa ajudá-lo! Com isso dito, vamos ver com o que seu celular pode ajudar você em uma situação de sobrevivência.

7 usos de sobrevivência para o seu celular

Comunicações

A vantagem mais óbvia que seu smartphone pode transmitir é aquela pela qual você provavelmente o comprou! O celular moderno é uma maravilha da comunicação, capaz de enviar e receber todos os tipos de sinais em uma variedade de formatos em uma série de aplicativos.

Obviamente, para fazer isso, será necessário manter uma conexão com uma torre de telefonia celular, mas praticamente todos os telefones hoje também podem enviar e receber chamadas, mensagens de texto e outros dados via conexão wi-fi.

Quando você está com problemas, a primeira coisa que você pode tentar é pedir ajuda. Se você estiver em um local remoto ou a crise for grande, você não poderá fazer ou receber uma chamada devido à falta de conexão ou rede sobrecarregada. Se isso acontecer, tudo bem. Tente enviar uma mensagem de texto, pois ela usa muito menos banda do que uma chamada em andamento e tem a vantagem adicional de estar basicamente em espera para transmitir assim que você pressionar enviar se o telefone não puder se conectar imediatamente.

Existem outras maneiras de entrar em contato com familiares, amigos e autoridades usando seu smartphone. O e-mail é uma opção possível, embora geralmente fique em segundo plano nos dias de hoje, mas você também pode enviar mensagens em uma variedade de aplicativos de mídia social ou equivalentes de mensagens dedicados.

Isso é especialmente útil para economizar tempo se você tiver todos os seus companheiros de grupo ou familiares em um canal ou conversa de emergência, onde você pode enviar mensagens para todos de uma vez e cada membro pode ver o que o outro está dizendo.

Luz

Todo sobrevivencialista mantém consigo uma lanterna praticamente o tempo todo, especialmente quando está indo para um local mais isolado. Os humanos confiam na visão como seu sentido primário, e as coisas tendem a correr muito mal para nós no escuro se não tivermos uma maneira de iluminar nosso ambiente.

Felizmente, a maioria dos celulares modernos pode fornecer luz para você de várias maneiras. A maioria agora possui a funcionalidade de lanterna embutida que pode ligar o LED do flash da câmera para funcionar como uma lanterna surpreendentemente poderosa, embora isso esgote a bateria rapidamente.

Mas vamos dizer que seu smartphone não tem uma câmera por algum motivo ou o flash LED está quebrado, ou talvez você queira economizar o máximo de bateria possível nessas circunstâncias. Não é grande coisa, mas a tela do seu smartphone pode emitir luz suficiente para iluminar tarefas de perto ou iluminar o solo ao seu redor simplesmente aumentando o brilho.

Obviamente, nenhuma dessas opções é tão capaz quanto uma lanterna, que só tem esse propósito, mas é definitivamente bom o suficiente para te tirar de um perrengue!

Navegação

Os smartphones possuem um conjunto de sensores poderosos e outras tecnologias internas, e muitos funcionam como o sistema GPS principal para seus usuários, estejam eles ao volante ou não.

Dependendo da geração do seu dispositivo e da amplitude da rede em sua área, seu GPS pode ser mais ou menos confiável em um congestionamento, mas sempre vale a pena tentar e, desde que você tenha sinal, eles são surpreendentemente precisos.

Mas digamos que seu GPS não esteja operacional ou não seja confiável. Seu smartphone ainda pode servir como um excelente auxílio à navegação. Armazene nele uma variedade de mapas, incluindo mapas de estradas, atlas de viagens, mapas topográficos da região e muito mais. Se você tiver uma bússola em mãos, poderá usar os dois em conjunto para obter sucesso em uma navegação terrestre.

Melhor ainda, a maioria dos telefones inclui uma bússola embutida acessível por meio de um aplicativo original ou pós-venda, apesar que esses recursos variam muito. Se você quiser ter um aplicativo de bússola, recomendo que teste sua utilidade e precisão em comparação com uma bússola real de qualidade conhecida antes de contar com ele.

Guias de sobrevivência

A capacidade de armazenamento de um smartphone comum hoje em dia deixaria os computadores da última década no chinelo. Capaz de armazenar muitos gigabytes de fotos e documentos, seu celular pode ser uma biblioteca de sobrevivência de manuais e guias.

Esta é uma ótima maneira de reforçar qualquer fraqueza em sua própria base de conhecimento pessoal ou conjunto de habilidades, sempre há mais para aprender e ninguém nunca foi prejudicado por ter recursos de referência extensos disponíveis para qualquer número de propósitos.

Incluir uma seleção de livros sobre tarefas básicas de sobrevivência, primeiros socorros, procedimentos de resposta a desastres, flora e fauna locais e muito mais, vale muito a pena e um ótimo uso do espaço de memória do seu telefone.

Relatórios de situação

Você, por exemplo, pode cadastrar seu número na defesa civil, entre outros. Isso significa que você pode receber informações atualizadas e até previsões sobre desastres, a aproximação de um clima severo e qualquer outra coisa imaginável que seja considerada digna pelas autoridades de promover a sociedade no sistema de transmissão de emergência.

Claro, isso só funcionará se as próprias redes de celular ainda estiverem funcionando e seu telefone tiver sinal, mas assumindo que seja o caso há mais informações que podem ser acessadas via internet, serviços de assinatura ou até mesmo aplicativos para esse fim.

Pode fazer uma grande diferença em seus planos saber onde você deve ou não ir com base nas avaliações de risco atuais ou na disponibilidade de suprimentos ou assistência. Em uma situação caótica e de rápido desenvolvimento, a informação é sempre uma garantia, e seu telefone pode fornecer isso em abundância se você o configurar corretamente.

Banco de dados de informações pessoais

Provavelmente tem muitas pessoas em sua família e rede social com as quais você se preocupa, e mais, algumas delas podem até ser um fator significativo em seus planos. Existem tantas variáveis para controlar em uma situação de sobrevivência, não é de admirar que nosso cérebro precise de um pouco de ajuda. É aqui que seu smartphone pode salvar o dia, mantendo todas as informações variadas de que você precisa em um banco de dados pessoal.

Que tipo de coisas? Pode ser qualquer coisa, desde endereços, números de telefone e e-mails, pode ser a combinação de um portão trancado ou qualquer outra informação que seja bom saber e ter em mãos, mas algo que dificilmente você se lembrará quando o estresse aumentar vários pontos. O céu realmente é o limite aqui. Entretanto lembre-se de que todas as informações confidenciais que você armazena em seu telefone podem ser acessadas por outras pessoas que assumirem o controle de seu aparelho. Porém, o quão fácil ou quão difícil será para eles é determinado pelas etapas que você executa para proteger esses dados. Quaisquer aplicativos que contenham informações confidenciais devem ser protegidos por senha e os arquivos mantidos no telefone devem ser criptografados da mesma forma.

Se isso não for possível ou prático, considere usar seu próprio código ou cifra pessoal para tornar a informação sem sentido ou simplesmente obtusa demais para qualquer oportunista que a consiga.

Mas, e a bateria?

Agora, apesar de minhas afirmações em contrário sobre a confiabilidade e a utilidade dos smartphones em uma situação de sobrevivência, você talvez ainda não está convencido. Além disso, você sabe que os telefones têm uma limitação embutida na forma de uma bateria com uma duração que nunca é tão longa quanto gostaríamos. Sem acesso à eletricidade, nossos celulares e a capacidade que eles fornecem para nós estão vivendo com tempo escasso.

Pelo menos, esse é o pensamento, mas como tantos problemas na nossa vida, este também tem uma solução. Nossos telefones não existem no vácuo, outras tecnologias continuaram a progredir na velocidade da luz ao lado deles e, acima de tudo, para nossos propósitos a disponibilidade, desempenho e custo cada vez menor de carregadores solares portáteis e outros aparelhos de geração de energia. Usando nada mais do que uma energia abundante e praticamente infinita colhida dos raios solares de aquecimento do planeta, você pode gerar sua própria eletricidade em qualquer lugar em que tenha uma visão clara e desimpedida do céu ensolarado. Em um dia claro e sem nuvens, seu telefone será recarregado em apenas algumas horas.

A verdade é que, contanto que você tenha um desses dispositivos engenhosos, você não tem desculpa quando se trata de usar seu smartphone em um contexto de sobrevivência.

Conclusão

Ao contrário das acusações e afirmações barulhentas dos pessimistas, o smartphone moderno pode fazer muito mais por nós em uma situação de sobrevivência do que eles nos fazem pensar.

Não, eles estão longe de ser completamente invulneráveis ​​a danos generalizados ou separados de suas redes celulares vitais, todavia os smartphones ainda têm durabilidade, capacidade de armazenamento e tecnologia de bordo para nos ajudar em praticamente qualquer esforço de sobrevivência.

Use os procedimentos e dicas que compartilhamos acima para transformar seu celular em uma ferramenta de sobrevivência potente.

Texto traduzido e adaptado do site Survival Sullivan.

4 Comentários

  • Célio Júnior

    Há um outro uso muito interessante para um celular.
    Eu tenho um celular “desabilitado”, sem o chip, que eu uso com um cartão de memória, repleto de informações importantes de sobrevivência, e tenho um carregador solar, que o acompanha.
    Dessa forma, em uma situação de sobrevivência tenho as informações disponíveis em um equipamento pequeno, de fácil utilização, e fácil acesso.
    Além disso, um celular sem o chip, não será encontrado … caso se queira passar despercebido, sem deixar rastros… O que poderá ser útil em alguns momentos!
    Se for o caso podemos usar um outro celular com chip para comunicação.

  • Se um smartphone tivesse tudo que eu já tenho no moto G3 porém com uma bateria com o dobro de capacidade,uma couraça resistente e um rádio Px embutido seria perfeito.

  • Josué Martis

    Os textos do portal são ótimos e já aprendi muito com eles, mas eu acho muito complicado navegar por aqui, não sei se eu que estou mal acostumado ou se realmente é difícil e de qualquer forma eu ficaria bem feliz com uma mudança no sistema de navegação do site.

  • Giovana Aleproti

    Fiquei até com vontade de ir estudar sobre o funcionamento (técnico e eletrônico) de smartphones! Muito bom o texto!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s