7 problemas que todo sobrevivencialista deve superar

Os Sobrevivencialistas têm um problema. Muitas vezes, eles não conseguem ver a floresta por causa das árvores. Descobri que me preparar é como um vasto rio de oportunidades, um rio que vai e vem com base nas situações ao nosso redor. Quando os eventos mundiais estão saindo do controle, nos sentimos inspirados para nos prepararmos. Quando o mundo parece estável, nós relaxamos.

Esta mesma jornada ao longo do rio da preparação é repleta de afluentes emocionantes. Alguns exemplos de afluentes são habilidades como construção, costura, treinamento tático, cultivo de alimentos e ervas medicinais. Essas são coisas que elevam sua preparação a outro nível e o empurram em direção ao objetivo final de autossuficiência.

A jornada muitas vezes pode parecer muito solitária, pelo menos até você encontrar um bom amigo, uma comunidade ou um cônjuge que está envolvido. Dito isso, gostaria de lembrá-lo de que existem inúmeros adeptos que estão sofrendo com esses problemas. Eles estão sozinhos, cansados ​​ou sem inspiração. Talvez você seja um deles.

Neste artigo, vamos explorar sete problemas universais que todos os Sobrevivencialistas enfrentam.

Medo do futuro

Um pouco de neurose que todos nós compartilhamos é o medo do que está por vir. É a razão pela qual fazemos o que fazemos. O problema é que muitas pessoas permitem que o medo assuma o controle. Eles passam muito tempo lendo notícias assustadoras e ficam com tanto medo do futuro que ficam paralisados, como um rato assustado demais para fugir de uma serpente.

Você tem que aprender a gerenciar esse medo. Você pode usá-lo como combustível para fazer as coisas, mas se você o alimentar demais, ele o dominará. Se você é uma pessoa ansiosa, provavelmente deve evitar as notícias por completo ou, pelo menos, diminuir sua exposição a elas. Caso contrário, você pode perder tempo se preocupando ou cometer erros graves.

Sentindo-se despreparado

O “triste” da preparação é que ela em sua totalidade é impossível. Sim, eu disse impossível. Você pode chegar a um ponto em que se sinta confiante em suas preparações, mas sempre haverá maneiras de estar mais preparado. Você pode se sentir pronto para qualquer coisa, mas um dia percebe que existe um cenário específico para o qual você não está pronto.

Essa sensação de que você não está realmente preparado faz com que algumas pessoas desistam. Que desperdício! Você pararia de correr todas as semanas só porque não está pronto para uma maratona? Claro que não.

Se você já se sentiu assim, pare e veja o quanto você realizou. Ao somar tudo, você perceberá que aprendeu e estocou mais do que imagina. E as probabilidades são de que é o suficiente para ajudá-lo a superar os cenários de desastre mais comuns.

Dúvida própria

Talvez não exista um grupo mais sujeito a níveis extremos de dúvida do que os Sobrevivencialistas. Como chefes de família, ocasionalmente questionamos nossa capacidade de proteger nossos entes queridos em tempos de crise. Isso é natural. Se você nunca esteve em uma situação de risco real de vida, como sabe que será capaz de lidar com uma?

Bem, você talvez não possa afirmar com convicção, mas vou te dizer uma coisa, você deve lidar com isso muito melhor do que alguém que não se preocupou em se preparar. Se você tem um plano de emergência, muitos suprimentos e uma rota de fuga, se você praticou a evasão da sua casa, passou um tempo vivendo sem eletricidade e sabe como usar seus equipamentos, você vai lidar com isso cem vezes melhor do que se você não tivesse se preparado.

Lembre-se disso da próxima vez que tiver dúvidas.

Reclusão e Sigilo

Infelizmente, ainda existe um certo estigma associado à preparação. Quando as pessoas descobrem que você é um Sobrevivencialista, dizem coisas estúpidas como: “Você é um daqueles preparadores do fim do mundo?” ou “Vou apenas à sua casa se acontecer um desastre.”

Se alguém descobrir que você é um Sobrevivencialista, é provável que falem, e logo as pessoas que você conhece vão olhar para você de maneira diferente. Em alguns casos, você pode perder uma promoção ou até mesmo perder seu emprego porque as pessoas pensam que você é um “sobrevivente maluco”.

O problema mais provável, porém, é que eles virão direto para sua casa em caso de uma crise. Se isso acontecer, você será forçado a mandar embora muitas pessoas, pessoas que você conhece, pessoas que estão implorando. Isso não é fácil de fazer, por isso é melhor que eles não saibam sobre seus preparativos em primeiro lugar.

Inveja dos outros

Quando você vê o cara com uma casa super fortificada, equipamentos de segurança, várias portas de saída e todo tipo de coisa, ou até uma propriedade isolada e autossuficiente, é difícil não ficar com inveja.

Sempre haverá alguém lá fora que tem mais do que você. A diferença na preparação é que ela pode significar vida ou morte. É assim que você protege sua família, e suas deficiências podem ter implicações enormes.

Quando começo a sentir ciúmes de um sobrevivencialista que tem mais do que eu, só tenho uma coisa em mente: quanto mais de nós houverem, e quanto mais preparados estivermos, melhor será nossa sociedade para enfrentar a crise. Imagine se você fosse o único preparador do mundo e um grande desastre acontecesse. Poderiam levar décadas para que as coisas voltem ao normal.

Mas quando há muitos Sobrevivencialistas – especialmente aqueles com mais suprimentos do que você – a sociedade se recupera muito mais rápido. Ver um preparador com mais do que você é uma coisa boa.

Não ter dinheiro suficiente

Algumas pessoas têm mais renda disponível do que outras. Em minha experiência transmitindo e trabalhando com Sobrevivencialistas, parece que a maioria de nós está pagando suas contas primeiro e usando os centavos que sobram para se preparar. Essa é a dura realidade da preparação. Ela recebe o pouco dinheiro que sobra.

Felizmente, grande parte das habilidades de sobrevivência não custa dinheiro para aprender. E se você for econômico, poderá encontrar ótimas ofertas em suprimentos ou transformar o lixo em equipamentos de sobrevivência.

Sendo mal compreendido

Uma das maiores lutas que enfrentamos como preparadores é lidar com um cônjuge ou filhos que não estão a bordo. A família pode ser dura conosco, e esse é um obstáculo difícil de superar. Não é fácil ser uma pessoa que é mal interpretada dentro de sua própria casa.

Para isso, recomendo encontrar uma comunidade. Ter outras pessoas com quem conversar sobre essas coisas é um enorme benefício psicológico que o manterá focado e motivado.

Texto traduzido e adaptado do site Willow Haven Outdoor

Nota do Tradutor:

Falando por experiência própria o grupo de apoiadores do Sobrevivencialismo irá lhe dispor de conhecimento, contatos e muitas amizades. Nos dê essa chance, irá contribuir muito para que continuemos levando conteúdo até você.

Você pode tornar-se membro pelo Youtube

Apoiar através do Apoia.se

Apoiar via Pix: sobrecastsv@gmail.com

Lhe encontro lá no grupo.

Até.

um comentário

  • Sou um trabalhador, pai, marido e sobrevivencialista! Não é fácil economizar, guardar e menos ainda ficar calado mas a verdade é que a grande crise chegou para ser bem sincero ela nunca foi embora… sempre estamos no modo “sobrevivência” mantenha-se firme, forte, saudável, vigilante, PREPARADO!

Deixe uma resposta para Átila Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s