SHTF School: Ataque a boate de Orlando – Alguns pensamentos

Eu odeio escrever artigos depois de ataques terroristas, mas aqui estou eu novamente. Conforme as coisas estão, vou ter de começar a antecipar mais e mais artigos baseados nos “ataques terroristas mais recentes”…

Eu já escrevi sobre o terrorismo em outros momentos, então o que eu gostaria de discutir aqui é o núcleo destes eventos, o que está acontecendo dentro deles, o que fazer e como sobreviver.

Vamos passar por alguns pontos básicos aqui caso você se encontre no meio de um ataque semelhante algum dia.

Onde você está?

Um dos meus métodos favoritos para sobreviver a qualquer situação de crise é não estar no local onde ela acontece. Isso funciona para a guerra e também para um ataque terrorista em uma boate.

O terrorismo tem como objetivo mudar o nosso modo de vida, colocar medo em nós e nos deixarmos sempre em plena expectativa de que um novo ataque acontecerá a qualquer momento. Na minha visão, eles estão tendo sucesso nisso.

Me colocar desarmado em um ambiente confinado com mais um monte de pessoas desarmadas soa como uma péssima ideia para mim. A probabilidade de um terrorista atacar uma convenção de armas ou um clube de tiro no Texas é bem baixa, simplesmente porque o sucesso nesses locais seria muito limitado.

É um tempo ruim para estar desarmado junto com outras pessoas também desarmadas, simplesmente evite esta situação.

Isso nos leva para o nosso próximo ponto:

Armado ou desarmado?

Todos ataques terroristas acabam quando os caras bonzinhos vêm com armas e matam os caras maus com armas. Isso deixa uma coisa bem clara: Não se trata apenas da arma, mas quem tem ela.

“A única defesa contra pessoas violentas e más são pessoas boas que sabem usar a violência de maneira mais habilidosa.” – Rory Miller

Claro que se os outros caras bons (vítimas) tivessem armas, as chances de neutralizarem o ataque terrorista seria muito maior. Tenha uma arma, esteja protegido!

Terroristas não esperam encontrar resistência ativa por parte das vítimas, eles estão ali para atirar no maior número de pessoas possível e até mesmo um bom homem com uma pistola pode causar uma mudanças tática e inverter a situação.

Boas pessoas com armas nos levam para o próximo ponto:

Realidade

Eu vivenciei e participei de tiroteios dentro de prédios fechados com mais pessoas dentro e não tem nada a ver com estar em um clube de tiro. Você precisa estar preparado.

Disparos seguidos de um fuzil dentro de um ambiente fechado é algo que pode (e fez) as pessoas literalmente defecarem ou ficarem paralisadas pelo choque por algum tempo.

Adicione isso para o caos completo, gritos, pânico… Você verá que não é como uma cena de filme no entardecer onde você e o agressor estão sozinhos.

Você irá reagir como foi treinado, então treine para isso.

Alguns pontos para considerar:

Prédios

Conheça os prédios onde você vai entrar e ficar por certo tempo, especialmente se haverá uma multidão de pessoas. Entradas, saídas, vias de fuga, obstáculos, pense para onde a maioria das pessoas irá correr, pense de onde um possível agressor poderá vir e qual a melhor posição para você buscar por…

Cobertura e esconderijo

Entenda que há diferença entre estes dois termos. Você pode ler em vários manuais que estar abrigado – por exemplo em um arbusto grosso – pode lhe deixar fora da linha de visão, enquanto a cobertura pode ser uma parede de tijolos grossos que irá lhe oferecer proteção contra disparos de armas diretamente onde você está.

Imagine-se com este conhecimento e de repente você se encontra no meio de um ataque terrorista dentro de uma boate e descobre que não há nenhum arbusto ou parede de tijolos. Você percebe que não aprendeu o suficiente sobre as coisas importam. Existe diferença entre conhecimento e entendimento.

Eu particularmente acredito que a indústria de filmes é muito culpada pela má informação e deve gerar uma enorme quantidade de mortes. Sabe aquelas cenas onde as pessoas levam um disparo de pistola e voam dez metros para trás? Ou quando os caras usam mesas e portas para se proteger de disparos em combate?

Você sabe que isso tudo está errado, não é?

Um disparo de um rifle AK 47 (e outros de calibre semelhante) pode passar por muitas camadas de portas, paredes, prateleiras, mesas e matar mais de uma pessoa. Até mesmo munições de pistola podem atravessar muita coisa e ainda te matar.

Hoje na internet existem vários vídeos de testes de perfuração de diversos calibres em diversos materiais, então faça sua pesquisa. Idealmente, vá ao clube de tiro e leve materiais para fazer o teste e ver com seus próprios olhos.

Depois de fazer esse teste e pesquisa, sempre que você for aos seus lugares favoritos (shoppings, boates e outros) tente avaliar não somente as vias de fuga, saídas e entradas, mas também procure por locais que lhe forneçam cobertura (Será que aquela parede de madeira pode aguentar um tiro? E aquele Freezer?).

Quem sobrevive?

A maioria dos sobreviventes contam a história de maneira semelhante onde usaram a oportunidade para fugir no momento certo, então eu não tenho nenhum pensamento ou análise sobre isso. Se você tem a chance de sair correndo, corra e sobreviva.

Se você está lá no local, armado, e tem a chance de mudar a situação para se salvar, elimine a ameaça!

Mas lembre-se que aqui há uma pegadinha, não será como no clube de tiro, onde você mira em garrafas vazias ou plaquinhas de metal. O agressor estará atirando também e provavelmente com uma arma mais mortal que a sua…

A vantagem neste tipo de caso – como falei acima – é que o agressor não está esperando resistência na forma de uma arma de fogo. Novamente, algumas sugestões. Esqueça qualquer pensamento de “combate honrável” – grite quando todos estiverem gritando e quando ele virar para o outro lado para atirar, mate o desgraçado pelas costas. Também exercite seu pensamento tático de posição, ângulos de movimento, tipo de arma que ele está usando (e tempo que leva para recarregar) e use cada oportunidade para ganhar.

Conclusão

Esta conclusão é bem simples, visto que acredito fortemente que mesmo quando você estiver entrando em um grande shopping você precise pensar em saídas, o quão grosso é o vidro da frente, quais são as possíveis coberturas e movimentos táticos caso haja um ataque. Pode parecer repetitivo, mas não estamos falando de agricultura aqui, estamos falando de sobrevivência.

Lembre-se que ataques estão acontecendo em lugares onde ninguém espera este tipo de situação, e é por isso que muitas pessoas viram vítimas.

Esteja preparado!

Eventos como estes mudam seus planos de preparação ou afetam seu treinamento? O que você faria em uma situação como a deste ataque? Deixe seu comentário abaixo.

Traduzido e adaptado do blog SHTF School.