O que fazer se você for pego em um atentado com bombas?

Sendo o ataque em Boston um assunto em pauta eu tenho certeza de que muitos leitores estão chocados com a violência utilizada pelos terroristas. Trágico. Eu tenho meus pensamentos sobre este tipo de situação, mas espero a situação amadurecer para podermos discutir mais sobre o assunto. Com isso dito, eu gosto de olhar para estes eventos em um contexto mais amplo para aprender lições e aplicá-las em minha vida. A questão que surgiu para mim é “o que fazer em caso de um atentado com bombas”?

Bombardeios no jargão militar são geralmente ligados à “embustes mecânicos” e existem várias ações básicas para seguir se caso você for pego por um. Como nós podemos aplicar alguns destes para um possível futuro evento? Estes são MEUS pensamentos e opiniões. Outros podem ter valores e experiências diferentes e acharem que existem formas melhores de como agir. Definir o tipo de ataque e se você está sozinho são os primeiros critérios.

O tempo de ter esta discussão é antes de um incidente e não depois, mas geralmente o assunto vêm quando há necessidade de discuti-lo. Espero que com estas informações, nós possamos ficar mais preparados.

Boom!

  1. Depois do som inicial, a onda de choque invade sua consciência. Abaixe-se e cubra seus entes queridos. Procure por cobertura próxima (a alguns passos de distância);
  2. Espere de trinta segundos à um minuto por explosões secundárias. Estas explosões secundárias podem fazer parte de um “efeito corrente”, explosões subsequentes designadas para derrubar pessoas se movimentando para outra direção para escapar da primeira explosão;
  3. Use este tempo para verificar se há ferimentos em você ou nos entes queridos e identifique uma rota de fuga;
  4. Trate os ferimentos mais sérios (sangramentos, limpeza de vias aéreas, etc.) e prepare-se para retirar seus entes queridos da área rapidamente.

Lembre-se, é uma tática comum usar uma explosão secundária para ferir/matar os primeiros indivíduos que vêm ajudar as vítimas iniciais

Se estiver sozinho:

  1. Busque por cobertura e espere pelas explosões secundárias.
  2. Depois, tente ajudar os feridos e saia da área do evento para escapar de explosões secundárias mais demoradas. Ouça e ajude as autoridades que chegarem ao local.
  3. Tente estar MUITO alerta (se já não estiver). Lembre-se do que você vê e tente gravar tudo, mas sem chegar ao ponto de atrapalhar as equipes de resgate ou se tornar uma vítima. Compartilhe as informações com as autoridades.

Espero que vocês nunca precisem usar estas dicas.

Até.

Anúncios

11 Comentários

  • Pingback: 6 Dicas para se prevenir em uma suspeita de atentado com bombas | Sobrevivencialismo

  • Quando você não consegue trabalhar na prevenção/identificação, em casos como esse, ter indícios antes da bomba explodir, fica complicado e você passa a contar mais com a sorte de onde se encontra no momento da explosão. Mas mesmo em situações como essa talvez possamos identificar alguns fatores suspeitos como sujeitos com comportamento estranho no local, entre outros. Levando em consideração que esse tipo de atentado ocorre onde o fluxo de pessoas é grande, você já tem outro indício caso note uma movimentação suspeita, podendo assim se retirar do local.

    Agora se tratando de outros tipos de explosivos (que não sejam minas terrestres) já fica mais fácil de se proteger (fica a sugestão para um vídeo).
    Granadas por exemplo, você tem alguns segundos para correr e se atirar ao chão da maneira correta (logicamente prestando atenção onde se joga), caindo com as pernas cruzadas pressionando-as contra o solo e as solas dos pés voltadas em direção ao explosivo, mãos cobrindo os ouvidos.

  • Featherstrong

    Amigo, sinto discordar, mas do ponto de vista estratégico nunca procure cobertura, pois, a mesma pode ser vítima de tais explosões, e, nesse caso pode despencar em você, tanto como pode ter abalo estrutural de fragmentos. A primeira coisa a ser feita em caso de bomba pré-identificada é afastar-se o máximo possível, procurar campo aberto, longe de carros, motos, objetos suspeitos e edificações. Se por acaso, um indivíduo vai procurar cobertura a alguns metros, e essa construção é ponto de explosão secundária, é fatal, tanto quanto estar próximo do mesmo local. Não cometa esse erro!

    Abraços.

    • Olá amigo,

      Realmente é um ponto de vista diferente. Creio que tudo depende da circunstância, mas sua sugestão é interessante. Devo lembrar que a busca por cobertura citada no post é qualquer coisa próxima a você (3 metros ou menos), qualquer saída ou abrigo óbvio com certeza seria um risco!

      Abraços!

  • eu evitaria autoridades até ter certeza de que não se trata de um ataque de homens-bomba, eles sempre usam aquele método de se passar por uma autoridade, reunir uma pequena multidão e se explodir…

  • A MELHOR COISA PRA SE FASER EM UMA SITIAÇAO DESSAS E CORRE PRA LOGE DAS EXPLOSOIS NAO ACHAR UM ABRIGO PORQUE ISSO NAO E TIRO E BOMBA

  • DEIVIS ZENATTO

    VALEU JULIO NO MUNDO EM QUE VIVEMOS HOJE SEMPRE DEVEMOS ESTAR PREPARADOS EM TODOS OS SENTIDOS SEMPRE UM ABRAÇO

    • Fala Deivis,

      Com certeza, hoje ninguém está a salvo da violência. Saímos de casa sem saber se voltaremos… É triste.

      Abraços.

  • boa tática , confesso que nunca pensei de estar em uma situação desse tipo. Ainda bem que por aqui, não tem homens bomba já penso correndo numa mara tona!. Duro de tudo isso e saber que vidas foram tiradas sem nenhum propósito e ainda que fiquem vivos teriam eles chances de se defender de uma acusação dessas ?

    • Fala Jonata!

      Concordo plenamente, ainda não chegamos a este ponto mas vemos atos de crueldade absurdos todos os dias. Fato é que sendo culpados ou não, estes aí já estão condenados à morte.

      Abraços.

  • Brilhante comentario Julio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s