Perigo Animal: Animais Selvagens

Há algum tempo fizemos uma postagem sobre os perigos dos animais peçonhentos. Agora vamos mostras alguns animais selvagens que podem oferecer riscos ao homem. Falaremos aqui somente dos animais encontrados na fauna Brasileira e futuramente, falaremos sobre os perigos de alguns animais aquáticos.

A diversidade de animais em terras Brasileiras é muito grande, porém nem todas as espécies oferecem riscos de morte ao homem. É muito difícil a aproximação de um animal selvagem, pois eles fogem ao se deparar com o ser humano. E isso é regra também entre os animais considerados perigosos. Ataques a humanos são raros e geralmente acontecem quando há aproximação do homem no território que o animal esta protegendo (ex: seu ninho).

Vamos conhecer alguns animais que devem ser evitados:

Onça – De todos os animais da fauna brasileira a onça  certamente é  a mais perigosa e com mais ocorrências de fatalidades. Vivem em ambientes como florestas e campos abertos, como o Cerrado e o Pantanal, preferindo estabelecer-se perto de rios. No Brasil as espécies mais conhecidas são as onças pardas e onças pintadas.

Onça Parda conhecida também como Suçuarana

A onça ataca pessoas apenas em situações de caça, nas quais o animal ferido se volta contra o caçador. Todavia nos últimos anos, o aumento do nível de aproximação entre pessoas e onças fazem com que elas estejam perdendo o medo instintivo que têm do homem. Isso diminui a distância de fuga, o que aumenta a chance de ataque em situação de confronto.

Ao se deparar com uma onça a uma distância considerável, não se aproxime e se ela te viu não corra. Saia andando naturalmente e evite contato visual. Se a onça vier em sua direção, tente parecer maior do que é levantando os braços e ficando na ponta dos pés. Não se deite nem finja de morto. Se você se agachar, ela pode pensar que você é um quadrúpede. Grite, jogue coisas, ameace partir para a luta. Acredite, ela tem mais medo de você do que você dela. E o mais importante, não saia correndo de um predador assim, ela é mais rápida do que você. Jamais dê as costas à ela, pois o instinto felino faz com que ela veja sua vulnerabilidade e ataque.

Queixada – Também conhecido com porco-do-mato, vive tanto no cerrado quanto em florestas. Andam em bandos que chegam a somar mais de 100 indivíduos. Sua alimentação é basicamente composta de frutas, sementes, brotos e raízes. Apesar do hábito vegetariano o Queixada pode atacar o homem se ameaçado ou para defender outro indivíduo do bando. Quando irritado, estala os dentes de forma a avisar ao intruso que está prestes a atacar.

Queixada conhecido também como Porco-do-mato.

Se você estiver perto de um bando de queixada não os ameace. Saia devagar e eles o deixarão em paz. Subir em uma árvore prevenirá um ataque eminente, porém eles não vão embora tão rápido. Se caso você estiver preso em uma árvore com um bando de Queixadas pronto para atacá-lo, uma das dicas que já ouvimos (porém não testamos) é urinar sobre o grupo, pois eles tendem a se afastar devido ao cheiro que os assusta.

Jaguatirica – Apesar de parecer com uma onça, os ataques envolvendo a jaguatirica são raríssimos. De hábito noturno, se alimenta basicamente de pequenos animais. Ao se sentir acuada, a jaguatirica simplesmente foge ou sobe em cima de uma árvore.

Jaguatirica, conhecida também como gato-do-mato.

Dicas para evitar animais selvagens

  • Não durma com alimentos abertos dentro da barraca. Guarde em sacos plásticos e amarre-os em uma árvore.
  • A luz de fogueiras e lanternas ajudam a manter os animais selvagens longe.
  • Prepare suas refeições afastado do lugar que você dorme.
  • Quando você está em uma situação de medo, leva-se um tempo para criar coragem e agir, o mesmo acontece com os animais. Então uma dica é não ficar muito tempo vacilando perto de um animal selvagem.
Anúncios

12 Comentários

  • Utilizar aparelhos q emitem som, como um radio por exemplo, durante a noite. Espanta animais selvagens?

  • Outro perigo animal …. são as abelhas africanizadas que estão por toda as matas ….atacam em enxame e matam com frequência .

  • Affonso Ricardo Gums

    O negocio de mijar não vai ser muito difícil não, viu? kkkkkkkkkkkk

  • Vou para o pantanal
    Ao caminhar não sabemos o que estará no caminho
    Os bichos se afastam exceto se estiver com filhotes ou carcaças
    Aí e sorte ou azar!

  • legal o post meu amigo encontrou com uma jaguatirica no mato, os dois ficaram congelados e ela se virou e foi embora, ele tadinho borrou.

  • Eduardo junior de souza

    poxa.. tudo escrito aqui parece tão simples.. hehehe
    estou querendo começar a acampa.. mais e certeza que vó da de cara uma onça algum dia.. isso da medo… vlw.. foi de grande ajuda o post.

  • é verdade que os queixadas detestam o cheiro da urina, os queixadas costumam se esconder em tocas no mato, e se vc mijar dentro da toca ele sai desesperado em disparada batendo em tudo que há pela frente, (eu e meu pai fazíamos isso nas cassadas) com certeza a sua urina vai lhe salvar se vc estiver encurralado por queixadas. ( é até engraçado ver o desespero deles correndo da urina)

  • Pessoal, parabéns pelo blog.
    Uma dúvida que tenho em relação a animais que atacam, como o porco do mato. Vocês já ouviram relatos de ataque à barracas? Neste caso seria mais seguro dormir em rede? Se for o caso, qual seria uma altura segura para armar uma rede?
    Obrigado!

  • Alexandre corvo

    esqueceram de listar 2 animais que pode ser problema, o 1° pode não ser originario de nossa fauna, mas é um animel bem agressivo, o javali, e o pior na minha opinião….as formigas, uma vez fui acampar com minha família, e tivemos o terrível azar de montar o acampamento em um lugar onde iria passar uma “correição”… rapaz..foram as pior 8 horas de acampamento da minha vida..tivemos que ficar cada um em cima de um toco de arvore com brasa em volta e batendo com o facão no troco para que elas não nos mordessem, e eu que tenho uma alergia do c@%%@/#*, quase tive que ir pro hospital..foi horrível..essa de longe é a pior experiencia em acampamentos

  • Gustavo Marcolin

    Ainda não tive problema algum com animais grandes, tive mais problemas com formigas, aranhas e cobras.
    Muito bom o Post, parabéns!

  • Até hoje só tive problemas com porcos do mato. Bichinhos perigosos….

  • Joao Felipe

    Boooaaa, Valeu pelo post.
    Abracos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s