Mulheres são o sexo frágil? – ODR Ep.03

Em uma sociedade que parece andar confusa sobre como deve lutar por seus direitos, algumas pessoas simplesmente definem uma meta e apostam tudo para chegar nela. Hoje vocês conhecerão a história da Josiane, nossa candidata 06 e a única mulher a terminar a Oficina de Desgaste e Resiliência.

Segue o relato da Josiane após a ODR:

Boa tarde!! Me chamo Josi e sou essa mulher do video acima..peço desculpas pelo meu cabelo desarrumado rsrs…e hj estou aqui passando para agradecer e parabenizar o Sobrevivencialismo com a ODR..ao 1 MILHÃO…. e todos os seguidores q me parabenizaram pela minha conquista…cheguei sim até o fim mas saibam q não foi nada fácil..pois físico eu não tenho foi mesmo pela meta q coloquei em minha mente…foi mto cansativo tanto fisicamente qnt psicológica não vou dizer q em alguns momentos de fraqueza não pensei em desistir!! Pensei Sim, mas logo pensava la na frente qnd chegasse ao final e fosse recompensador .. a toda aquela dor e sofrimento passaria..pois td passa e se não passar nós damos jeito de contornar as adversidades da vida!! Molhada..frio..sono..cansaço..assada..com câimbras na perna..meu corpo pedindo para parar..desistir..entregar os pontos..mas minha mente e desejo q continuar e mostrar para mim mesma q posso foi maior..e hj estou aki agradecendo a todos pelo apoio força e carinho..obg..todos nós conseguimos..so querer e desejar mto..beijokas 😚

Oficina de desgaste e resiliência (ODR) foi construída para levar as pessoas ao limite. O que você está assistindo é parte das gravações da turma piloto, que foi selecionada para testar a metodologia do projeto e verificar o que poderíamos aprimorar antes do lançamento. Aguarde novidades.

Até.

Anúncios

3 Comentários

  • Keven Oliveira

    Sim, mulheres são o sexo frágil, ao meu ver. Como foi enfatizado na descrição, ela foi a ÚNICA mulher a concluir a ODR, logo podemos pressupor que a maioria foi de homens. A Josiane foi uma exceção á regra. Obs: não confundir com misoginia. É apenas um fato fisiológico e psicológico (mas disso você pode falar com mais propriedade hehe).

    • Caro Keven, percebo que desconsiderou “n” fatores, e sem eles não há como chegar à alguma conclusão coerente!
      É fundamental saber a quantidade de inscritos, com isso perceberá que provavelmente foram menos mulheres a se inscrever!
      Observo mais, mulheres são adestradas a serem submissas, fracas e delicadas, exatamente para que fiquem reféns dos “omens” (homens não estimulam fragilidade feminina) e submissas para serem usadas como sementeiras de viagreiros.
      E isso é curso que não se adequa à filosofia “delas”!
      Já valetes são estimulados a serem fortes, e mesmo fracos buscam emular essa característica!
      Logo, valetes fazem de conta que são fortes e acreditando nisso ficam até aparentemente fortes, já mulheres fazem de conta que são frágeis. E se não fizerem ficam ameaçadas pelos bolsonaristas misóginos e suas criminalizações da mais nobre atitude feminina em tempos de degeneração, o lesbianismo, mecanismo higienizador de mulheres que inibe a vocação reprodutora quando não existe mais macho alfa.
      Analisemos que desde que deus estabeleceu cretinisses como mulher pecadora, Lilith rebelde e sobretudo a monogamia, toda mulher É estuprada, pois é obrigada a sexuar sem o critério número zero da reprodução, a SELEÇÃO!
      Assim, desde mais de 3000 anos as mulheres são estupradas e obrigadas a aceitar o que há de mais abjeto, o religioso frouxo, o macho ômega, e condenadas se aceitarem o macho alfa (vide holodomores eternos)!
      Fica patente que somos a mais imunda borra humana, somos os lixos paridos e reparidos pelas mulheres sequestradas e estupradas pelos ômegas em nome de deus!
      ESSE é o resultado da monogamia, da religiosidade, da obediência a deus, do respeito por uma entidade pederasta, sádica, e misógina, o tal deus, um monte de lixos se arvorando na crença de que a “umanidade” é o topo da cadeia evolutiva!
      Só que apenas 1 em 1 milhão é genio e faz algo que preste, tanto é que só o Leonardo da Vinci e Nikola Tesla foram gênios em toda a humanidade, o resto são borras até alavancadas a pensadores como einstein, um personagem tão despido de razão que não sabia a diferença entre medida de grandeza a grandeza física! E quem falou isso foi Cesar Lattes, um dos maiores expoentes da física teórica e descobridor do meson PI!
      Só isso nos faz perceber que a umanidade é borra total!
      Todos tinham que desenhar como Leonardo da Vinci, isso seria prova de evolução!
      Mas achar que tecnologia que não conseguimos entender ou replicar é fruto de pessoas como nós é idiotia e pretensão!

      Resumindo a bagaceira: Não há maneiras de se analisar o comportamento feminino, pois mulheres são sabotadas por todos os ômegas e deus desde mais de 3 milênios!
      Dizer que mulheres são frágeis é sinal misógino claro, pois nos homens não conseguimos sobreviver a perda de 1/3 de nosso sangue, já as “frageis” mulheres conseguem sobreviver a perda de até 2/3 do sangue de seus corpos (Além de serem elas as capazes de gerar vida!)!
      E se sangue é energia vital, e fonte única de nutrição nossa fica patente que mulheres são mais fortes e, acima de tudo, mais COMPLETAS, tanto que de um gene femino se faz um homem mas de um gene masculino não se faz uma mulher! Salvo se juntarmos artificialmente os gametas. Mas mesmo assim dependerá da ressonância do corpo feminino para desenvolver-se
      Fatos psicológicos são sempre relativos, pois a psiquê é formada pela sociedade, já a fisiologia é clara, tanto é que para a fisiologia buraco de fezes não é outra coisa senão um ESGOTO, mas a psique perturbada dos nascidos ômegas de pais ômegas pederastas entende que sim, buraco de fezes é órgão sexual, e pior, sem observar que se sexo é reprodução e ânus é órgão sexual, então gente e fezes são a mesma coisa!

      Como mostro, sua análise careceu de qualquer coerência, mas foi embebida da mais rasa misoginia! Mesmo que negada!
      Eu me pergunto a razão de uma mulher aceitar se submeter a misóginos bullyinescos ofendendo-a por nada além do prazer sádico e covarde.
      A humilhação não faz uma pessoa melhor, faz ela mais obediente!
      E obedientes só são úteis para seus “donos” e nunca para si mesmos!
      Ela ficou uma boa soldado, mas não se fez general, está preparada para morrer pelos outros como escudo humano, mas não está apta a ser a general de si mesma, pois aceita até humilhação achando que é bom!
      É como já disse, existem dois tipos de pessoas, os seguidores e os líderes, e ela junto ao resto dos “sobreviventes” já aceitaram ser seguidores!

      Temos SEMPRE que saber o que esperamos de nós mesmos, e de acordo com isso devemos nortear nossos estudos e capacitações.

      Ou somos bunda de baleia, ou somos cabeça de sardinha!
      A bunda da baleia é grande, mas nem o peido ela pode soltar só, já a cabeça de sardinha é pequena mas é dona inclusive da própria bunda!
      Essa oficina é direcionada a apenas um tipo de pessoas, as que aceitam ser lideradas por outros, mas não serve para líderes!
      Lideres só podem fazer suas oficinas por si sós, pois de outra forma não são lideres, são liderados!
      Agradeço a atenção
      Obrigado

  • A Josi é um exemplo de que as mulheres são fortes!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s