Mudança no padrão de reviews do blog: Review Contínua!

Após certa conversa com o nosso autor Victor, chegamos à conclusão de que nossas reviews não estão seguindo um padrão ideal que favoreça a demonstração da qualidade dos itens. Percebemos isso a partir de diversas reflexões em relação ao que fazemos atualmente e vimos que existem pontos deficientes. Para corrigir, estamos a partir de hoje implementando um novo método de review para o blog, que nomeamos “Timeline Review“.

Vamos aos detalhes desse novo padrão:

  • Os itens serão avaliados em dois momentos, um ao ser retirado da caixa (Review) e outro após seis meses de uso (Pós-review);
  • Caso o mesmo apresente falhas antes desse período, sua Pós-review será adiantada para demonstrar o que levou o item à falha;
  • Na Pós-review detalharemos quais atividades realizamos com o item durante os seis meses, para que vocês julguem se foram atividades abusivas, leves ou regulares.

A maior preocupação é que possamos passar à vocês uma análise fiel sobre os itens que recebemos, pois sabemos que vocês querem ter certeza de que estão adquirindo um item de qualidade para adicionar aos seus equipamentos. Aguardamos a participação de vocês para opinar sobre este novo modo de funcionamento e qualquer crítica ou sugestão será bem recebida!

_____________________________________________________________________

Adições e modificações no projeto após opiniões dos leitores:

  • Decidimos deixar o nome do projeto como “Review contínua”, visto que vamos priorizar os termos em português em nossa nomenclatura;
  • As etapas continuarão sendo Review e Pós-review, pois o termo “Review” já é muito difundido em meio nacional e se mudarmos o mesmo poderemos dificultar a busca de nossas análise na internet. De nada adiantaria fazer uma ótima análise e ninguém conseguir achá-la devido a essa mudança de termos.

Ainda estamos abertos a opiniões, fiquem à vontade para se posicionar, pois são vocês que ganharão análises mais fidedignas e completas com essas alterações!

Anúncios

9 Comentários

  • Marcos da Costa

    Ei Daniel, depois do dia 21 de março voltarei a procurar pelo que escreves, ou melhor, qual a nova data e em quais versículos vai se embasar. Agora, tu queres conhecer o Julio Cheda, porém eu quero conhecer a tua mulher, seu manso. Teu blog ultrapassou 200 mil acessos. Parabéns!

  • Acho que 6 messes já é um bom tempo para se conhecer a qualidade de um equipamento, se este for colocado em uso constantemente…

    • Olá Léo,

      Concordo contigo, tudo depende de quanto uso o instrumento sofreu. De nada adianta estipular um prazo maior para as reviews se o item for utilizado uma vez a cada dois meses.

      Abraços.

  • Você bem-recebe sugestões. Assim, aí vou.
    A ideia é ótima, mas pode ser adequada e melhorada.
    1a. Sou brasileiro. Meu idioma é brasileiro. Imagino que vocês também. Portanto, o nome poderia ser “Análise Contínua”. Para que o estrangeirismo? Vocês mesmos chamam de análise, no último parágrafo.
    2a. “Timeline” é, hoje, palavra muito associada ao Facebook, um produto famoso, muito usado por aqui, mas conhecido e reconhecido como roubado. Eu não uso tal coisa espúria.
    3a. “Review”, até em outro idioma, implica numa “view” anterior. Então, mesmo utilizando um estrangeirismo desnecessário, há erro de fundamento. Primeiramente, seria “View”. Depois, “review”. A minha sugestão de nome já mata todos os coelhos com uma cajadada.
    4a. Eu sugiro análises em três possíveis momentos. Primeiramente, “Retirando da Caixa”. Concordamos.
    Penso que o melhor intervalo de tempo não é semestral. A mais famosa análise brasileira, feita por todo cidadão adulto cumpridor de seus deveres sociais, é anual. É a análise dos rendimentos obtidos. É conhecida como “Imposto de Renda”. E, afinal, não é isso que estão propondo? Analisar o rendimento dos equipamentos? Secundariamente, portanto, “Análise Anual”.
    E, a seu tempo indeterminado, “Análise Final”, quando a ferramenta apresentar pelo menos uma falha que afete o fundamento de seu uso. Tal pode ocorrer até no momento de abertura da caixa. Já aconteceu comigo, infelizmente.
    Na esperança de ter colaborado, já que quem laborou foram vocês, saudo-os pela proposta, mesmo discordando pontualmente.

    • MRRG,

      Primeiramente fico feliz com suas observações. Fato é que estamos cada vez mais “ingleisados” e acabo frequentemente me contaminando com tais termos estrangeiros. Vamos rever essas questões para deixar a ideia mais clara e faremos uma adição no post assim que terminarmos. Com certeza você pode se sentir à vontade para mostrar o que pensa aqui no blog, são leitores como você que nos incentivam a continuar crescendo.

      Abraços.

    • Bem, MRRG, eu concordo com você em muitos pontos, o problema é que se usarmos termos que os usuários não estão familiarizados, as postagens caem na relevância dos sites de busca, porque eles funcionam por palavras chave, então o uso do termo “timeline” por exemplo pode subir a relevância do blog nas pesquisas, bem como o “review” ao invés de revisão, e por ai vai, são termos mais conhecidos pela maioria dos interessados nesse assunto.

      Mas se vocês acharem melhor, podemos passar tudo pro português sem problema algum.

  • Julio, olá. Vc não tem nem 15 dias para deixar todo o seu material pronto. Se sobreviver aos piores eventos imagináveis no céu e na terra, aí todo o treinamento e conhecimento poderão fazer a diferença. O link do meu nome explica o por quê dessas afirmações… vc leu? Tem de ler amigo…. na guia “sinais”… e rápido. Fraterno abraço.

    • Olá Daniel,

      Li seus textos no blog e respeito suas crenças, porém hoje considero-me um indivíduo bastante empírico e focado com bases na ciência, logo não me identifico com os sinais declarados em sua página. Mas novamente, respeito seu posicionamento e acredito que se realmente haver uma extinção parcial ou total da raça humana nos próximos dias, posso lhe dizer que farei o possível para sobreviver e manter aqueles que valorizo junto à mim. O sobrevivencialismo se trata de manter-se preparado para qualquer momento e qualquer evento, e assim estou.

      Se precisar de alguma ajuda ou aconselhamento, pode contar comigo.
      Abraços.

      • Vc mostra ser uma pessoa mansa Júlio, algo muito raro nos dias de hoje. Espero poder conhecê-lo pessoalmente em breve. E pode contar comigo também, caso eu possa fazer algo por vc. E sobre os “sinais” do blog Aprisco Cristão, creio vc ter entrado em página errada, pois todos os textos da guia “sinais” do menu apresentam sinais físicos e científicos suportando a afirmação que fiz para o infimo prazo que nos resta, como sons estranhos nos céus, os poderes dos fractais apresentados pelo astrofísico global Nassim Hanareim explicando inúmeras situações na nossa história, provas da existência de extraterrestres e seus objetivos a luz das Escrituras Sagradas, tempestades solares, grandes terremotos, eventos planetários envolvendo forças inimagináveis interferindo diretamente em nosso planeta, fatos totalmente estranhos ocorrendo praticamente todos os dias no mundo e no espaço. A guia “sinais” do blog é praticamente um “jornal” relatando os principais eventos científicos ocorrendo em cumprimento às profecias bíblicas, tudo isso nestes dias que estamos vivendo, Talvez vc tenha entrado numa guia mais “bíblica” e por isso tendo alguma dificuldade em compreender. Sem problemas Júlio, mas faça uma nova tentativa. Se vc gosta de ciência procure ler o texto sobre “Sinais do Apocalipse: está tudo praticamente pronto”. Vai demandar um tempo, mas vc vai passar a mudar sua forma de ver as coisas. Fraterno abraço, e que Deus possa em Sua infinita misericórdia nos livrar de todo o mal, poupando-nos para a vida eterna, amém.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s