Preconceito e sobrevivencialismo

Porque as pessoas interpretam os sobrevivencialistas como um bando de doidos preocupados com o fim do mundo ou guerras nucleares eu nunca vou entender. Claro, sempre temos os loucos de verdade (que moram em bunkers, têm armários de armas e comem ração militar), mas a grande maioria que vejo pela internet discutindo sobre sobrevivência são pessoas normais. Na verdade, as coisas que nós falamos eram consideradas de conhecimento geral a certo tempo atrás.

A maioria dos sites de sobrevivêcia que vemos por ai fala de coisas que até 60, 50 anos atrás era o modo de se viver a vida. Atualmente, no nosso mundo digitalizado e conectado, a maioria das pessoas achariam difícil sobreviver um dia como nossos tataravós viveram. Na verdade, muitos sentem que vão morrer sem um dia de eletricidade… Infelizmente nossa sociedade se transformou tão dependente de tecnologia que esquecemos de habilidades que ajudaram o ser humano a sobreviver por milhares de anos e confiamos cegamente em nosso interruptor da sala, na tomada do quarto e no mercado da esquina.

Ser um sobrevivente não é apenas sobre se preparar para um suposto futuro pós-apocalíptico que provavelmente não vai chegar nunca. É sobre estar preparado para coisas que podem acontecer em nosso cotidiano. A verdade é que confiamos muito na nossa sorte, porém veja o estrago feito em Santa Catarina e Minas Gerais… não foram previstos por ninguém. Se você estivesse lá no meio e não pudesse ir ao supermercado comprar água e comida, teria como se alimentar?

Acontece lá longe no Japão, acontece bem perto aqui em Minas Gerais.

Então o que você pode fazer?

– Leia, leia e depois leia um pouco mais –> Conhecimento é a chave para a sobrevivência, sem conhecimento todos os equipamentos mais chiques no mundo são inúteis.

– Tenha uma Mochila de fuga (Bug out Bag) –> Possuir uma base móvel de equipamentos para lhe dar um apoio temporário é indispensável em qualquer crise (veja meu post sobre o assunto).

– Tenha um plano de sobrevivência –> Ter um plano de como se comportar em momentos de crise (rotas, locais de encontro e abrigos) vão aumentar suas chances de sobrevivência durante uma emergência.

-Faça um pequeno Kit de sobrevivência –> É sempre uma boa idéia ter um kit compacto com você durante todo o tempo, pois os imprevistos podem ocorrer quando você estiver longe de sua casa e de suas ferramentas, então é sempre útil estar preparado.

Ainda não me sinto confortável em conversar com as pessoas que conheço acerca do tema (salvo uma ou duas excessões), pois sinto que essas achariam que sou um desocupado, louco ou qualquer outra característica que eles acharem mais conveniente. Quem sabe um dia as pessoas tomem consciência da fragilidade da vida moderna e começem a se precaver um pouco mais, pois se algo ruim acontecer (vamos esperar que não), não diga que não foram avisados.

Fonte: Off Grid Survival 

Até.

Anúncios

9 Comentários

  • Pingback: Alguns posts que você pode não ter visto |

  • O texto é grande, mas creio que vala a pena sua leitura.

    Na minha opinião, sobrevivencialismo é uma coisa que não está restrita ao “apocalipse” ou a uma pandemia global ou uma falta de ordem civil generalizada, etc, etc. etc., como citado no post, essas coisas acontecem bem perto de nós, alguém esqueceu do que aconteceu com o rio de janeiro a pouco tempo atrás ? o Brasil está livre de terremotos fortes, mas como funcionário público da área de segurança pública, eu digo com toda certeza, o caos reina aqui, dividido em pequenos focos, que a população ignora, sabe porque ? Nosso país não tem acordo com a Interpol, bandidos do mundo todo vem se esconder aqui, nosso país recentemente foi “presenteado” com uma reforma no código penal que colocou e está colocando mais de 100 mil bandidos na rua, sem contar os que forem presos e serão soltos, nosso país é um país onde a massa, a maioria é constituída de pessoas ignorantes, com pouca cultura e estudo, e isso é proposital, pois pessoas com essas características tendem a ver somente o hoje e se preocupam em dormir com a barriga cheia, por isso elegem, os Lulas e Dilmas da silva, e não veem que nosso país está na mão de bandidos, tanto oficiais e bandidos não oficiais que eu chamaria tranquilamente de Políticos, 7 ministros caíram em menos de 12 meses de governo, essa Presidenta coloca bandidos pra cuidar do seu povo, o povo é responsabilizado por escolhas erradas, e porque nossa “querida” presidenta não é punida por suas escolhas podres ? Depois de ler isso, você ainda acha que nosso país é maravilhoso e abençoado por Deus ? Creio que estamos livres de terremotos, porem não estamos a salvo de inundações causadas por mal planejamento urbano e efeitos naturais imprescindíveis, não estamos livres de uma pandemia, onde as pessoas se automedicam sem medo das consequências tornando inúteis a maioria dos nossos antibióticos e antivirais, um país onde só os ricos tem acesso a saúde e segurança de qualidade, não estamos livres da violência que tranca o cidadão em casa e solta os bandidos, o brasileiro não pode se divertir, nem ter um carro bom ( importado) nem comprar coisas no exterior sem ser estripado, estuprado e dilacerado por taxas e impostos absurdos que são aumentados mês a mês, ( Aumento de compras internacionais por cartão de crédito 2,5 % para 6,5 %, aumento no custo de importação dos carros importados, impostos de 60 a 100% sobre encomendas vindas do exterior via correio e por ai vai, se informem.) Então creio que estamos vivendo um “pré apocalipse” com hospitais cheios, Nossos novos e futuros médicos drogados e interessados em festas pós plantão ( trabalho particularmente para médicos com minha empresa de sistemas fora do serviço público e essa é a realidade da maioria.) Nós policiais e agentes de segurança pública temos treinamentos ridículos e remuneração mais ridícula ainda, onde muitos sucumbem a corrupção, pois se tornam bandidos como os outros, professores ganhando 650 reais por período de aula, bombeiros ganhando menos de 900 reais em muitos estados, se isso não for uma plano maldito para aniquilar pouco a pouco a população, eu não sei o que é, então se preparar é preciso, o texto é grande mais creio que vala a pena, grande a braço a todos.

    • Fry,

      A verdade é que não vemos aquilo que é inconveniente, fomos ensinados assim. Muitos dos que se preparam tem em mente a sobrevivência em um ambiente apocalíptico e Hollywoodiano, onde haverão explosões e guerras ocorrendo na vizinhança, porém a verdade é que a preparação nada mais é do que uma forma de tentar amenizar os impactos desses atos que você citou em nossas vidas.

      Hoje nos Estados Unidos as pessoas não podem mais obter sua própria água, energia e agora vi que podem aprovar uma lei que proíbe que cidadões americanos tenham mais do que sete dias de alimentação em casa… mais que isso se configuraria em uma atividade suspeita de terrorismo (?).

      Esta realidade não está longe de nós, pois na chácara de minha família meu avô teve sérios problemas para cavar um poço artesiano e pasme, a empresa que controla a distribuição de água aqui no estado queria que ele pagasse pela água que está retirando do lençol freático.

      Não podemos mais ter hortas em casa pois o Ibama afirma que tais locais podem conter impurezas ou contribuir para o surgimento de doenças…. e a história vai longe….

      Mas como o velho lema escoteiro… devo ficar “Sempre Alerta”!

      • O Ibama são uma cambada de sem vergonhas que visam explorar o povo brasileiro, sendo que os verdadeiros e principais causadores de danos ambientais em nosso país são as madeireiras, as grandes industrias e os traficantes de animais e nossa presidenta que quer desmatar uma área do tamanho da cidade de natal e tirar o povo dali como se fossem animais, bom fora isso, tudo se encaminha pro colapso a passos largos, ouça o que eu te digo, eu estou prestes a abandonar o serviço público pois está chegando ao ponto onde quase nos sujeitamos aos bandidos, e combate-los está ficando cada vez mais complicado e problemático, um colega de trabalho nosso está sendo processado junto com o estado porque disse que PRENDEU um meliante em fuga quando devia ter dito que APREENDEU um menor em ato suspeito, sendo que o camarada de 17 anos tinha acabado de assaltar uma banca de jornais, a família do maldito resolveu processar a policia e o nosso colega pois isso saiu na tv, bom isso pra mim foi a gota d’agua e me parece que o juiz vai dar parecer favorável a família, então como você disse preparação e alerta é fundamental, pois vai ter um dia que vamos precisar tomar o controle e a responsabilidade total de nossas vidas para nós mesmos, pois o estado está entrando em colapso e eu já me preparo para não depender dele a um bom tempo e inevitavelmente vai ter um dia que todos nós seja aqui, seja nos estados unidos, vamos ter que entrar em “confronto” com o mesmo pois senão seremos massacrados com essas leis e regras que você acabou de citar, creio que todas as pessoas que tiverem um pouco de bom senso, deveriam se preparar seriamente pois se não nessa, na próxima geração bixo vai pegar legal, gosto do trabalho de vocês e estou sempre acompanhando, grande abraço.

      • Pois é Fry,

        São assim como as coisas andam e funcionam… o que me assusta é saber que essas situações vêm ocorrendo a nível global, não apenas no Brasil. Temo pelo dia em que os brasileiros perceberem o estado precário de vida em que estão e saírem as ruas para “pegar o que é direito deles”… neste momento prefiro estar muito bem preparado para os apertos que virão.

        Obrigado pela participação, é um grande incentivo para continuarmos escrevendo.
        Abraços.

  • O preconceito é real, é comum ouvir adjetivos como ‘’louco’’,’’ paranóico’’, ou conselhos do tipo é só confiar em Deus que tudo ficara bem.
    O problema é que quando a emergência acontece a maioria absoluta não sabe o que fazer, se desesperam e só sabem exigir ações do governo.

  • Pingback: Centésimo Post! |

  • Gustavo Marcolin

    Cara concordo plenamente com o post. Realmente é muito difícil você falar sobre Sobrevivencialismo com outras pessoas. Falam que você é louco, que é criança entre outros. Infelizmente é assim mesmo. :/

  • Bruno Freire

    Infelizmente é mais cômodo achar que as coisas podem vir a acontecer em outras cidades ou países do que onde nós estamos situados, o comodismo de certa forma arruinou em certos aspectos a nossa sociedade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s