Desafio da Casa Sobrevivencialista #03 – Preparado Ep.11

Continuando nosso desafio de analisar as diversas casas Sobrevivencialistas que vocês estão desenvolvendo, hoje vamos conhecer uma casa pronta para o CAOS TOTAL…. E descobrir as falhas dela.

Apesar de ter sido feita para um cenário completamente extremizado, alguns conceitos são realmente interessantes e podem servir de inspiração para estruturas mais viáveis na realidade. O que você achou?

Até.

Anúncios

8 Comentários

  • Caro Lobo, a questão do coquetel molotov é mais grave, pois fogo rouba o ar, e um monte deles mata todos de asfixia!
    As paredes são extreitas e uma bomba entre elas é potencializada consideravelmente!
    As paredes teriam que ser em cunha para o alto, garantindo a onda de choque cubindo!

    Creio que mais eficaz defesa é ser invisivel, ou seja, se ninguém sabe onde está não há alvo para eles!
    Bunker subterrâneo é mais eficaz, entretanto exige pessoal.]
    Para fazer essa obra é necessário pelo menos uns 50 caminhões betoneira, e muita gente trabalhando. Na idade média se matava os construtores caso eles não fossem do grupo, pois quem fez sabe onde entrar!
    E essa obra não é possível fazer em pouco tempo mesmo com capital a dar com o pau!
    Containers enterrados são mais eficazes e muito mais barato, caso ninguém saiba onde ele é.
    Um tunel longo de fuga é complicado, pois na saída tem sempre o problema de vegetação crescendo, e nesse caso acaba com a evasão!
    Em minha opinião acredito que a discrição é a alma do sobrevivencialista (n~ao estou dizendo seu caso que é um instrutor de sobrevivencialismo, mas na questão da moradia segura da mesma forma que vc coloca na questão de vestimenta, roupa discreta não nos torna foco de atenção), se não sabem onde estamos estamos sempre seguros! e se nos entocamos como ratos a coisa fica melhor ainda!
    Arma de fogo chama a atenção, ela “fala” muito alto,e é inclçusive motor de cobiça!
    Em guerra ganha o que pode sitiar e não o que fica sitiado! Vide troia e seus imensos muros!
    Assim, entendo que obra exposta é obra derrubada!
    O nômade sempre tem vantagem posicional, pois se desloca de acordo com as circunstâncias!
    Não pretendo desmerecer o imenso trabalho do colaborador, mas é fundamental entender que sítio não tem hora para acabar, e acreditar que a desgraça durará um ano é otimista demais!
    Obrigado pela atenção

  • Assim, eu achei legal as ideias para talvez implementar (a baixo custo), o que der pra fazer como as paredes de areia, claro que tem coisas que fica inviavel, vc ter 2 quadriciclos para fugir hehehe, mais vc pode ter uma DT tunada kkkk e assim vai rs, parabens pelo projeto vlw !!!

  • Jose Mauricio Rodrigues

    Posso afirmar que este projeto é perfeito porém comforme comentário do proprio Julio é oneroso em excesso e inviável para nós mortais, porém a preocupação com uma fossa sanitáia apesar de ser omitido eu considero junto com a captação de agua um dois itens mais importantes em cenário de crise é muito facil contaminar a agua com esgôto teremos todos com diareia sem remédios, penso que dentro de uma situação de desgoverno a primeira coisa que desaparece é a energia, assim um imóvel hitec é inviável, outra coisa resistir um ano só vivendo em uma fazenda, e finalizando temos em nosso pais uma imensa dificuldade de obtenção de armas de fogo, e eu com morador de cidade sou adepto do sobrevivencialismo urbano, criaria coelhos e codornas que não fazem barulho, mais sou obrigado a reconhecer que o projeto é excelente.

  • Es interesante y muy bien presentado, pero a mi me parece que el mejor refugio es uno que sea subterraneo y que en la superficie nada indique que hay algo allí, por algo los militares hacen eso, además cualquier fortaleza, por mejor realizada que este, va a caer. Lo mejor es lo que no se encuentra.

    • Concordo Gabriel.. se for para gastar tanto dinheiro num abrigo deste tipo melhor fazer ele subterrâneo pois vai chamar menos a atenção… Esta fortaleza seria um alvo de primeiro grau numa crise generalizada e neste caso, os invasores não seriam grupos de bandidinhos armados com .38, mas militares com armas pesadas e organizadas procurando sobreviver ou até o próprio Estado ( vide a Venezuela)… e neste caso basta um tanque Cascavel e o abrigo vai para o espaço…

  • Alex Argona

    Concordo com Welthon, se fosse para gastar uma fortuna, seria mais viável fazer um abrigo subterrâneo a prova de bombas nucleares e mísseis! Esse abrigo não protege de ataques aéreos e ou químicos e biológicos.

  • Interessante… mas não prático.. Acredito que o objetivo deste desafio é criar projetos viáveis, aplicados a um contexto específico e com recursos limitados… se for para ‘surtar’ e colocar tudo o que a imaginação possa criar, então minha proposta é criar um abrigo nuclear exatamente igual ao da montanha cheyenne (sede do NORAD americano) na Chapada dos Guimarães…Uma construção deste porte acho que nem o Exército têm …Existem questões que não são esclarecidas e que não permitem uma análise real.. por exemplo: quantas pessoas vão morar nesta instalação? Onde ela fica? Existe proteção contra contaminação biológica? Mas, como você disse Júlio, enquanto conceito é interessante..

    • Welthon Tavares

      Um Sobrevivencialista de mesmo nome e de opinião semelhante, levando em consideração que o nome não é comum, eu não esperava por essa!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s